Grupos do Rio de Janeiro podem se candidatar para programa de pesquisa da UFRJ

Grupos de pesquisa do Rio de Janeiro interessados no estudo da biologia do câncer podem se candidatar para integrar o Programa de Oncobiologia da UFRJ, que acaba de lançar o edital de credenciamento e recredenciamento 2019 – 2021. As inscrições estarão abertas até o dia 25 de janeiro de 2019, data final para envio da documentação necessária à inscrição de novos participantes – e também à renovação do credenciamento dos grupos de pesquisa que já fazem parte do Programa. O formulário de inscrição e o modelo de projeto podem ser acessados no site.

O edital é aberto para grupos que realizam pesquisas sobre o câncer em diferentes áreas como biomedicina, medicina, farmácia, enfermagem, nutrição, biofísica, anatomia, física, física médica, jornalismo, enfermagem, educação física, história, computação, estatística, entre outras.

Para integrar o Programa de Oncobiologia da UFRJ é necessário que os coordenadores dos grupos de pesquisa sejam profissionais com vínculo não-temporário em instituições, públicas ou privadas, sediadas no estado do Rio de Janeiro, e que possuam qualificação equivalente a um pesquisador do CNPq. Outro critério para participação é que a equipe de pesquisa envolva necessariamente estudantes de pós-graduação.

 

O Programa

O Programa Interinstitucional de Ensino, Pesquisa e Extensão em Biologia do Câncer (Programa de Oncobiologia) foi criado em 2000 e tem como principal meta reunir pesquisadores com interesse no estudo de diferentes aspectos da biologia tumoral. Os grupos credenciados comprometem-se a atrair estudantes de pós-graduação (mestrado e doutorado) ao Programa, no intuito de formar recursos humanos em todos os níveis para pesquisa na área, promovendo a aproximação entre as áreas assistencial, de pesquisa básica e aplicada e a sociedade.

O Programa promove reuniões periódicas entre os seus integrantes, simpósios anuais abertos para diferentes profissionais, cursos de extensão, cursos práticos e cursos de curta duração. A integração entre jornalistas e cientistas é outro alvo de destaque para o Programa, que pretende ainda associar laboratórios de pesquisa em instituições diversas e obter fontes de financiamento próprias.

revista-onco

Oncologia para todas as especialidades.