Um novo estudo observou que os níveis de vitamina D são baixos até mesmo em mulheres pós-menopausa com câncer de mama que estão fazendo uso de suplementos.

A pesquisa foi apresentada numa sessão de pôsteres no 33o Simpósio Anual de Câncer de Mama San Antonio. Ela foi baseada num estudo de 391 mulheres pós-menopausa com câncer em estadios I a III que estavam usando inibidores de aromatase. A deficiência de vitamina D foi encontrada em 35% dessas mulheres.

A maioria das pacientes (73%) estava tomando suplementos de vitamina D, mas mesmo nesse grupo a deficiência de vitamina foi de 25%.

A principal mensagem desse trabalho é que a suplementação de vitamina D não é “tamanho único”, como diz a principal investigadora Claire Friedman, da Escola de Medina da Universidade de Nova York. Segundo ela, há algumas mulheres que podem se beneficiar de doses extra, como mulheres que são obesas ou com sobrepeso e são não-brancas.

A observação de que tantas pacientes pós-menopausa que sobreviveram ao câncer de mama tinham deficiência de vitamina D é preocupante, porque pesquisas anteriores já mostraram que essa deficiência está associada a resultados piores em câncer de mama, ela explicou.

Os níveis de vitamina D foram medidos em amostras de sangue retiradas de cada paciente, a deficiência era indicada quando o nível era abaixo de 30ng/mL. O nível médio de vitamina D era de 35 ng/mL.

Porém, 35% das mulheres tinham níveis que indicavam deficiência. Depois de um ajuste para idade e suplementação de vitamina D, os pesquisadores observaram que a deficiência de vitamina D tinha mais probabilidade de ser encontrada em minorias do que entre brancos (odds ratio ajustado, 2.18; P=.009) e em mulheres obesas ou com sobrepeso do que naquelas com peso normal (odds ratio ajustado, 3.21; P=<.001).

“Hipovitaminose D é comum entre sobreviventes de câncer de mama, e mulheres que são não-brancas ou têm sobrepeso têm um maior risco de deficiência, apesar de tomar suplementes de vitamina D”, os pesquisadores concluíram.

Fonte: Medscape

revista-onco

Oncologia para todas as especialidades.