A relação entre HIV e câncer ainda não é bem conhecida, mas uma nova pesquisa aponta indícios de que deve, sim, haver uma relação entre as duas doenças. O levantamento analisou os casos de neoplasia diagnosticados em cidadãos norte-americanos soropositivos em 2010. Estima-se que tenham havido 7.760 novos casos de câncer entre os aproximadamente 900.000 mil norte-americanos que vivem com o vírus da aids. Segundo o estudo, realizado pelo National Cancer Institute, os índices de pacientes soropostivos que desenvolvem câncer supera o percentual esperado pela população em geral.

Entre os tipos de câncer que atingem essa população com mais frequência do que os soronegativos, estão os linfomas não-Hodgkin, os sarcomas de Kaposi, e os tumores anal e de pulmão.

O estudo, que será publicado no próximo número do Journal of the National Cancer Institute, sugere que a adoção de políticas de prevenção ao câncer específicas para os indivíduos infectados com o vírus HIV podem surtir resultados positivos.

revista-onco

Oncologia para todas as especialidades.