Uma equipe internacional de pesquisadores identificou centenas de novos genes que estão em mutação no câncer de estômago. Essa é uma descoberta que pode levar a tratamentos sob medida para a constituição genética individual dos tumores gástricos.

O câncer de estômago é a segunda principal causa de morte por câncer no mundo, matando mais de 700 mil pessoas por ano, segundo a Organização Mundial de Saúde. O tratamento muitas vezes é difícil e sem sucesso. Nos Estados Unidos, menos de um quarto de pacientes com câncer do estômago sobrevivem mais de cinco anos após o diagnóstico.

“Até agora, as anomalias genéticas que causam câncer de estômago ainda são pouco conhecidas, o que em parte explica o resultado geral pobre do tratamento,” disse o autor sênior do estudo, Patrick Tan, professor associado do Programa de Câncer e Biologia de Células-tronco da Duke -NUS Graduate Medical School.

Tan, que lidera o Programa de Oncologia Genômica da Faculdade de Ciências do Genoma do Instituto do Câncer de Cingapura, e colegas do Centro Nacional de Câncer de Cingapura, utilizaram a tecnologia de seqüenciamento de DNA para analisar o tumor e o tecido normal de pacientes com câncer de estômago. Eles identificaram mais de 600 genes antes desconhecidos, que sofrem mutações nos tumores gástricos.

Uma análise posterior revelou que dois genes – FAT4 e ARID1A – sofreram mutações em 5% a 8% dos casos, respectivamente. Em alguns pacientes, porções do cromossomo contendo os dois genes estavam faltando. Isso fornece mais evidências de que defeitos genéticos que afetam os dois genes ocorrem freqüentemente no câncer de estômago.

Em experiências de laboratório, os investigadores descobriram que a mudança do funcionamento dos dois genes altera o crescimento de células associadas ao câncer do estômago.

“É necessário mais pesquisas para perceber as implicações clínicas destas descobertas. ARID1A e FAT4 provavelmente também estão envolvidos em muitos outros tipos de câncer, não apenas do câncer de estômago”, disse Tan.

O estudo foi publicado na edição online do dia 08 de abril da revista Nature Genetics.

Fonte: HealthDay News

revista-onco

Oncologia para todas as especialidades.